BioGeogilde Weblog

Blog de apoio e complemento às aulas de Ciências Naturais, Biologia Geologia e Biologia

Idade Interior 26 de Janeiro de 2011

Filed under: 11ºAno,12º Ano,9ºAno,Curiosidades — Prof. Cristina Vitória @ 18:22
Tags: , , , , ,

Maravilha de teste, elaborado pela Unimed.
 
Uma dessas coisas boas que a internet nos proporciona. 
 
Perca, ou melhor, dispense alguns minutos do teu tempo para o fazer.
 
E quando contar aos seus amigos, seja honesto e diga qual foi o resultado.

Ligue o som antes de fazer Clique na imagem!

Anúncios
 

Dez passos para entrar bem em 2011 3 de Janeiro de 2011

Adeus, 2010; olá, ano de crise mais do que anunciada. Três especialistas, de áreas tão diferentes como a Nutrição e o Exercício, a Psicologia Positiva e a Medicina Sexual, deixam as suas “dicas” para sermos bem-dispostos e aproveitarmos a vida, mesmo num ano que vai ser difícil. Tudo coisas simples, que podem começar literalmente pelos pés, para se acabar com uma cabeça mais feliz.

Conte os passos que dá

1 Depois do bacalhau, do peru, do bolo-rei, das fatias douradas ou das azevias da época natalícia, nada melhor do que começar o novo ano a mexer-se. Pedro Teixeira, professor de Nutrição, Exercício e Saúde da Faculdade de Motricidade Humana de Lisboa, sugere que, para entrar em 2011 com o pé direito, compre um pedómetro. E, com este aparelho que mede os passos dados ao longo de 24 horas, que é barato e pode usar-se à cintura por baixo da roupa, aprenda a distinguir os dias sedentários daqueles que são fisicamente activos.

“Dez mil passos por dia é o mínimo que se aconselha. Parece muito, mas não é. Quando passamos o dia sentados, damos três mil passos”, explica Pedro Teixeira. “Cinco mil é um dia normal, mas pouco activo. Uma caminhada de 20 minutos é suficiente para ultrapassar os dez mil”, acrescenta. “Um pedómetro é um bom instrumento para aumentar a consciência da actividade física que fazemos. Os mais baratos custam oito a dez euros.”

Incluir actividade física no dia-a-dia, sublinha, traz bem-estar, boa disposição e vai permitir enfrentar melhor o novo ano. E, além dos benefícios fisiológicos e psicológicos que tem, enquanto a praticamos podemos aproveitar para conviver com outras pessoas, por exemplo passeando na natureza ou à beira-mar. Mais: é gratuito. “É conhecido o potencial do exercício físico para nos acalmar, melhorar o humor – é recomendado a quem tem tendência para se deprimir – e proteger contra o stress. Há muitas pessoas que praticam exercício físico meia hora antes de ir para o trabalho. E resulta mesmo.” (more…)

 

Investigação vem sustentar velha convicção: comer fora de horas faz mesmo engordar 4 de Setembro de 2009

Filed under: 9ºB,Notícias da Ciência — Prof. Cristina Vitória @ 16:53
Tags: , , , , , , ,

evr hamburguer 3Toda a nossa biologia está adaptada aos ciclos dia-noite de 24 horas

Adeus, petisco da meia-noite? Vetado o copinho de leite com chocolate acompanhado de umas bolachinhas que nos sabia tão bem durante as longas noites de Inverno, sentados em frente da televisão ou do computador? A acreditar nos resultados de um estudo ontem publicado on-line pela revista Obesity, reduzir o número de calorias e fazer exercício físico poderão não chegar para travar o aumento do peso; a hora a que comemos também pode ser importante.

Nada disto parece muito novo: já sabíamos que não convém comer muito ao jantar — e os nutricionistas alertam as pessoas em dieta para não comerem durante a noite. A novidade é que, pela primeira vez, a relação entre comer à noite e engordar foi cientificamente comprovada.

Somos animais diurnos e o nosso metabolismo é pautado pela alternância do dia e da noite. Fred Turek e os seus colegas da Universidade Northwestern, nos EUA, especialistas dos ritmos circadianos (os ritmos biológicos de 24 horas associados à alternância dia-noite neste planeta) tinham reparado que os trabalhadores nocturnos, que não podem deixar de fazer uma refeição a meio da noite, têm tendência para engordar. (more…)