BioGeogilde Weblog

Blog de apoio e complemento às aulas de Ciências Naturais, Biologia Geologia e Biologia

Bactérias: Um micromundo dentro de cada um 3 de Abril de 2012

É do conhecimento geral que existem seres vivos microscópicos designados por bactérias. A tendência é pensar nestes seres como prejudiciais, causadores de doenças ou responsáveis pela degradação de alimentos, por exemplo. Mas sendo tudo isto verdade, começamos hoje a perceber também a sua importância fundamental na protecção da nossa saúde.

Na realidade, temos dentro do nosso tubo digestivo uma quantidade astronómica destes organismos. Estima-se que o número seja cerca de dez vezes superior ao número de células em cada um de nós, qualquer coisa como cem biliões de seres vivos!

Curiosamente, todos nascemos com o nosso tubo digestivo livre de bactérias, mas logo após iniciarmos a amamentação, começamos a ser colonizados por aquelas que foram seleccionadas pela nossa mãe num processo admirável que leva cada microorganismo do seu intestino para o leite e depois para o bebé.

Em pouco tempo formamos a nossa colónia numerosa, específica de cada indivíduo quase como uma impressão digital, mas que pode variar em função da nossa alimentação, sobretudo.

O papel deste verdadeiro ecossistema que existe no nosso intestino é muito variado e reconhecemos-lhe uma importância cada vez maior. Tal como se fosse um órgão adicional, que evolui connosco há milhares de anos, as bactérias regulam o nosso sistema imune, ajudam a proteger-nos de doenças, equilibram o nosso metabolismo energético, auxiliam na digestão alguns alimentos e na absorção dos seus componentes e produzem mesmo nutrientes como a vitamina B12 , a biotina ou a vitamina K. (more…)

Anúncios
 

Idade Interior 26 de Janeiro de 2011

Filed under: 11ºAno,12º Ano,9ºAno,Curiosidades — Prof. Cristina Vitória @ 18:22
Tags: , , , , ,

Maravilha de teste, elaborado pela Unimed.
 
Uma dessas coisas boas que a internet nos proporciona. 
 
Perca, ou melhor, dispense alguns minutos do teu tempo para o fazer.
 
E quando contar aos seus amigos, seja honesto e diga qual foi o resultado.

Ligue o som antes de fazer Clique na imagem!

 

Genes e circuitos cerebrais influenciam escolha da comida 14 de Maio de 2010

Investigador português recorreu à mosca do vinagre para realizar investigação.

Tal como os humanos ou qualquer outro ser vivo, a mosca do vinagre também tem “preocupações” para fazer uma alimentação equilibrada, mas até agora não se conheciam os factores envolvidos neste processo. O português Carlos Ribeiro, investigador principal no Programa de Neurociências da Fundação Champalimaud, juntamente com Barry J. Dickson, do Research Institute of Molecular Pathology, em Viena (Áustria), resolveu esta incógnita e identificou, pela primeira vez, os genes e circuitos cerebrais envolvidos no decurso desta decisão.

O estudo publicado agora na revista científica «Current Biology» foi efectuado em Drosophila melanogaster, mosca do vinagre, e abre portas para que se compreenda também como outros organismos escolhem as suas fontes de alimento, desde os mosquitos portadores do parasita da malária aos humanos.

Os investigadores usaram um ensaio simples para identificarem o tipo de alimentação que as moscas preferem. À comida enriquecida com proteínas, que contém leveduras, foi adicionado um corante azul, enquanto a que não tem leveduras foi «pintada» de encarnado. Pela simples observação da cor das barrigas das moscas, puderam, então, saber que alimentos ingeriram.

Depois de terem observado os hábitos alimentares da Drosophila ao longo de várias semanas, descobriram que a mosca do vinagre opta por diferentes fontes de alimentação, consoante as suas necessidades nutricionais, sexo e estado de acasalamento. “Normalmente, quando as moscas estão num ambiente com comida ‘completa’, ou seja, com açúcares e leveduras, e se lhes for dada a possibilidade de escolha, estas não comem a comida com proteínas”, explicou, acrescentando que se as moscas forem privadas de proteínas durante um determinado período de tempo, acabam por escolher alimentos com este nutriente.

Fêmeas mais rápidas do que machos

As moscas fêmeas são capazes de mudar de dieta mais rapidamente do que os machos, da mesma forma que as fêmeas que tenham acasalado são também mais rápidas nessa tarefa do que aquelas que são virgens.

De acordo com o investigador português, os resultados e os métodos genéticos experimentais disponíveis na mosca do vinagre permitiram “descrever as moléculas e neurónios que fazem com que as fêmeas que já tenham acasalado reajam mais depressa do que as virgens”. Além disso, foram identificadas as moléculas usados no cérebro das moscas para detectar a falta de proteínas e que fazem com que estas mudem as suas decisões, “o que se pode vulgarmente denominar como o sensor”. (more…)

 

Dia Mundial da Alimentação 16 de Outubro de 2009

Filed under: 11ºAno,9ºB — Prof. Cristina Vitória @ 07:48
Tags: , ,

alimentosOrganização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO) comemora, todos os anos, no dia 16 de Outubro, o Dia Mundial da Alimentação. Em 2009, “Alcançar a segurança alimentar em época de crise” é o tema central das celebrações.

Cerca de 150 países comemoram esta data com várias actividades, incluindo seminários sobre o tema escolhido para 2009 e eventos culturais e desportivos para sensibilizar a população sobre a importância de erradicar a fome e angariar fundos para este fim.

A nível mundial existem muitos recursos naturais e alimentares, mas as deficiências na produção e a falta de tecnologias nos países menos desenvolvidos levaram milhões de pessoas a um estado de subnutrição ou expostas à insegurança alimentar, como também aos problemas causados principalmente pela falta de acesso a uma boa alimentação.

Este ano, a FAO estima que a fome atingirá um novo recorde histórico: 1,020 mil milhões de pessoas em todo o mundo, o que corresponde a uma em cada seis pessoas no planeta.

Objectivos do Dia Mundial da Alimentação

– Promover uma maior atenção à produção agrícola em todos os países e um maior esforço nacional, bilateral, multilateral e não governamental para este fim;

– Estimular a cooperação económica e técnica entre países em desenvolvimento;

– Promover a participação das populações rurais, especialmente das mulheres e dos grupos menos privilegiados, nas decisões e actividades que afectam as suas condições de vida;

– Aumentar a consciência pública sobre a natureza do problema da fome no mundo;

– Promover a transferência de tecnologias para os países em vias de desenvolvimento;

– Fomentar ainda mais o sentido de solidariedade nacional e internacional na luta contra a fome, a desnutrição e a pobreza e destacar os êxitos em matéria de desenvolvimento alimentar e agrícola.

O dia 16 de Outubro foi a data escolhida pois foi neste dia que, em 1945, foi criada a FAO, uma organização cujo objectivo principal é elevar os níveis de nutrição e desenvolvimento rural.

Já agora, não deixes de consular as regras do “Almoço Saudável”. Podes obtê-lo aqui: Almoço Saudável

Além disso, também podes obter uma lista_compras_apd, proposta pela Associação Portuguesa de Dietistas, para não esquecer os alimentos mais saudáveis.

 

Investigação vem sustentar velha convicção: comer fora de horas faz mesmo engordar 4 de Setembro de 2009

Filed under: 9ºB,Notícias da Ciência — Prof. Cristina Vitória @ 16:53
Tags: , , , , , , ,

evr hamburguer 3Toda a nossa biologia está adaptada aos ciclos dia-noite de 24 horas

Adeus, petisco da meia-noite? Vetado o copinho de leite com chocolate acompanhado de umas bolachinhas que nos sabia tão bem durante as longas noites de Inverno, sentados em frente da televisão ou do computador? A acreditar nos resultados de um estudo ontem publicado on-line pela revista Obesity, reduzir o número de calorias e fazer exercício físico poderão não chegar para travar o aumento do peso; a hora a que comemos também pode ser importante.

Nada disto parece muito novo: já sabíamos que não convém comer muito ao jantar — e os nutricionistas alertam as pessoas em dieta para não comerem durante a noite. A novidade é que, pela primeira vez, a relação entre comer à noite e engordar foi cientificamente comprovada.

Somos animais diurnos e o nosso metabolismo é pautado pela alternância do dia e da noite. Fred Turek e os seus colegas da Universidade Northwestern, nos EUA, especialistas dos ritmos circadianos (os ritmos biológicos de 24 horas associados à alternância dia-noite neste planeta) tinham reparado que os trabalhadores nocturnos, que não podem deixar de fazer uma refeição a meio da noite, têm tendência para engordar. (more…)

 

Workshop – “Menu 2” 11 de Maio de 2009

Filed under: 9ºB,Notícias da Ciência — Prof. Cristina Vitória @ 18:07
Tags: ,

Cá está, mais uma vez, as fotos do Workshop de Alimentação Saudável do 9º B  e o menu 2.

 

 

Workshop “Alimentação Saudável” – Menu 1 26 de Fevereiro de 2009

Filed under: 9ºB,Notícias da Ciência — Prof. Cristina Vitória @ 12:20
Tags: , , , , ,

No âmbito do Projecto “Viver com Saúde” e do programa de Ciências Naturais do 9º ano, a turma do 9ºB está a participar no Workshop de Alimentação Saudável, que se realiza todas a segundas-feiras na cantina da escola. Esta actividade tem como objectivo divulgar regras de alimentação equilibrada, promover o consumo de legumes/frutas, conhecer os métodos de confecção alimentar saudáveis, divulgar uma alimentação mais diversificada e atractiva. Além disso, à que realçar a alegre participação e convívio dos intervenientes, bem como dos convidados especiais.