BioGeogilde Weblog

Blog de apoio e complemento às aulas de Ciências Naturais, Biologia Geologia e Biologia

Insólito: Não se meta com este urso… 27 de Maio de 2010

As imagens são incríveis: um urso preto asiático, de nome “Nuvem”, a fazer Kung Fu com um pau. Tudo se passou no jardim zoológico de Asa, Hiroshima, onde um visitante gravou este vídeo e o colocou no YouTube. A cena é tão insólita que tem feito um enorme sucesso no site de partilha de vídeos.

Segundo o Professor Marc Bekoff, especialista em comportamento animal da Universidade do Colorado, EUA, as imagens aparentam ser verdadeira, como declarou ao jornal britânico Telegraph. “Este é um exemplo fantástico do controlo de objectos por animais”, afirmou ao jornal. O jardim zoológico também confimou que as imagens são verdadeiras.

Revista Sábado 27/05/10

Anúncios
 

«Top 10» das espécies descobertas em 2009

A lista pretende chamar a atenção para a importância da biodiversidade.

O Instituto Internacional de Exploração de Espécies (IISE, siglas no original em inglês), da Universidade do Arizona, já divulgou as espécies descobertas e registadas em 2009. Um peixe rã com aparência psicadélica e uma esponja carnívora encontram-se entre as dez descobertas mais importantes. Esta lista é realizada todos os anos pelo instituto citado e por um comité internacional de taxonomistas.

Em comunicado, o instituto explica que “o destaque que se dá a dez espécies pretende chamar a atenção, de uma forma divertida, para a importância dos museus de História Natural, dos Jardins Botânicos e para o tema da biodiversidade”.

Quentin Wheeler, director do IISE, explica que “classificar espécies de todo o mundo e as suas características únicas são parte fundamental para entender a história da vida. Interessa-nos para enfrentarmos o desafio de viver num planeta em constante mudança”. (more…)

 

As probabilidades estão do lado de Darwin

A vida tem um antepassado comum? Sim. Dizem a teoria da evolução no século XIX, a genética do século XX e a estatística de hoje.

Há poucos dias Craig Venter mostrou ter sintetizado um genoma artificial, que foi introduzido dentro de uma célula bacteriana, e foi capaz de desencadear o movimento da vida. Bravo. Mas o código genético que utilizou não foi inventado por ele. É partilhado por todos os organismos da Terra, tem pelo menos 3,5 mil milhões de anos, e une-nos desde sempre, apesar de só termos tido consciência disso no século XIX, quando Charles Darwin se lembrou de desenhar no seu caderno de apontamentos a primeira árvore evolutiva e escreveu por cima “I think”.

O evolucionista pensou, desenhou, teorizou. Adeus criacionismo e Adão e Eva, adeus teoria da geração espontânea. Olá evolução e primos chimpanzés. Ao longo do século XIX e XX a evolução continuou a ganhar argumentos. A demonstração das características hereditárias que Gregor Mendel fez com as ervilhas, a descoberta da cadeia dupla de ADN e a conclusão de que o código genético é quase universal, ou seja, que os organismos usam o mesmo dicionário para traduzir a informação que está no ADN para as proteínas, confirmaram o que a teoria de Darwin previa. (more…)