BioGeogilde Weblog

Blog de apoio e complemento às aulas de Ciências Naturais, Biologia Geologia e Biologia

Filmagem espectacular do vulcão Eyjafjoell da Islândia 21 de Abril de 2010

REYKJAVIK (Reuters) – A nuvem de cinzas expelida pelo vulcão islandês está a uma altitude mais baixa, um bom sinal para os viajantes, mas as condições continuam incertas porque ventos fortes nas altitudes maiores ainda movimentam as cinzas, informaram autoridades nesta terça-feira.

O vulcão, localizado sob o glaciar de Eyjafjallajokull, a cerca de 12 quilómetros a sudeste da capital islandesa Reykjavik, está em erupção há mais de uma semana. Há temores de que a erupção poderia despertar o vulcão vizinho, Katla, ainda maior, mas especialistas disseram que nenhuma actividade foi detectada até agora.

“A nuvem é relativamente escura, então existem cinzas dentro da nuvem, é bastante contínua. Não parece haver explosões dentro da nuvem, está apenas subindo continuamente”, disse Gudrun Nina Peterson, do departamento meteorológico da Islândia.

Ela disse que a nuvem atingiu 3.048 metros de altitude durante a maior parte da noite, mais baixo que os registos anteriores de seis a 11 quilómetros.

“Foi possível detectá-la por radar durante a noite, o que significa que está a uma altura baixa. Quanto mais baixo estiver, melhor para o resto da Europa”, disse ela em colectiva de imprensa.

No entanto, os especialistas perceberam fortes ventos do noroeste nas altitudes maiores. “É por isso que está difícil dizer (sobre o impacto no tráfego aéreo)”, acrescentou.

Uma câmara que transmite imagens para a Internet mostrou um fluxo constante de fumaça saindo do vulcão e subindo ao céu na forma de enormes nuvens.

Controladores do tráfego aéreo britânica disseram durante a madrugada de terça-feira que uma nova nuvem vulcânica estava se dirigindo para importantes rotas aéreas.

“A erupção vulcânica na Islândia se fortaleceu, e uma nova nuvem de cinzas está se espalhando para o sul e o leste, na direcção do Reino Unido,” disse nota do Serviço Nacional do Tráfego Aéreo britânico. “Isso demonstra as condições dinâmicas e em rápida mutação sob as quais estamos trabalhando.”

Segundo meteorologistas, o vulcão islandês que tem provocado o caos aéreo na Europa também está emitindo mais lava do que antes.

“Recebemos a notícia ontem à noite de que agora há mais lava”, disse à Reuters a geóloga Sigtrudur Arnsdottir, do instituto meteorológico islandês.

O meteorologista Bjorn Einarsson concordou, dizendo que a emissão de mais lava significa que o vulcão estaria produzindo menos cinzas.

“A nuvem de cinza está muito menos (intensa) porque você não tem a água para se misturar a ela. Ainda dá para ter muitos tremores ocorrendo em torno do vulcão, porque a lava está saindo,” acrescentou.

Reuters/Brasil Online 20/04/10